Associação Brasileira de Tecnologia
para Construção e Mineração

Primeira edição da Smart.Con é realizada com sucesso

Em versão 100% digital, os congressistas puderam acompanhar debates, palestras e apresentações sobre produtos, estudos, métodos e processos inovadores já praticados na construção civil, além de todas as tendências para os próximos anos. Engenharia, Infraestrutura, Rental e Real Estate foram os temas centrais de uma programação que somou, em dois dias, 38 horas de conteúdo em 80 painéis simultâneos e contou com a participação de mais de 300 visitantes.

Durante a abertura do evento, participaram além de Rolf Pickert, CEO da Messe Muenchen do Brasil, organizadora do evento e Afonso Mamede, da Sobratema, os executivos Marcello da Costa, Secretário Nacional de Transportes Terrestres e Guilherme de Paula Correa, Coordenador de Inovação Industrial do Ministério de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovações, ambos representando os ministros que lideram as duas pastas Os convidados mostraram os planos dos ministérios para os próximos anos, ilustrando um cenário ainda mais positivo e com possibilidade avanços consideráveis ao setor da construção civil. 

A sessão plenária do primeiro dia de evento discutiu o futuro da construção inteligente em um mundo 4.0. Apresentaram seus pontos de vista, Alexandro Romeira, vice-presidente da I2AI Brasil; Íria Doniak, presidente da ABICIC; Rodrigo Navarro, presidente da ABRAMAT; e Wilton Catelani, consultor estratégico em BIM. Em todas as falas foi ressaltada a relevância da construção civil para o crescimento do país e a importância da industrialização e eventual modernização dos processos da cadeira construtiva. Segundo os executivos, há um longo caminho para o setor rumo à um futuro mais digitalizado e assertivo, que só deve ser atingido através da implementação no uso de dados digitais.

No segundo dia de plenária foi discutido como tecnologia e inovação apoiam as iniciativas públicas e privadas para projetos de construção. Os convidados Gustavo Pereira Gomes, Assessor da Secretaria do Programa de Parcerias de Investimento do Ministério da Economia Roberto Vitalli, Diretor Executivo de Tecnologia do IAR - Instituto de Robótica e prof. Dr. José Augusto Pereira Brito, diretor executivo do MackGraphe Mackenzie, e o moderador Rafael Rinaldi, Gerente de Projetos da Smart.Con, apresentaram diferentes perspectivas da dinâmica do mercado em investimentos para avanços em tecnologia. A banca levantou reflexões sobre a utilização recursos tecnológicos para alavancar os projetos da PPI, com destaque para o papel da educação para a capacitação e desenvolvimento tecnológico, além da necessidade de um plano de governo a longo prazo para que o setor público possa ser o motor para a inovação da construção.

“Ficamos muito satisfeitos com a 1ª edição da Smart.Con. Atingimos nosso objetivo de entregar um evento relevante em várias esferas. Incentivamos a discussão sobre as mais avançadas tecnologias e processos utilizados e o que há por vir para evolução da construção civil no Brasil”, argumenta Rolf Pickert, CEO da Messe Muenchen do Brasil. “Gostamos muito de todo o ambiente que pudemos proporcionar durante a Smart.Con. Por isso, desde já, deixamos firmado com nossos visitantes e parceiros, a realização de uma nova edição no ano que vem. Dessa vez em um formato híbrido, com área de exposição e uma programação extensa para quem nos visitar, seja de forma online ou presencialmente”, finaliza o executivo.

A próxima edição do evento foi confirmada e será realizada de 25 a 26 de abril de 2022, no Expo Center Norte, de forma presencial e com transmissão online.

Quem também se mostrou satisfeito com a Smart.Con foi o engenheiro Afonso Mamede, presidente da Sobratema – Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração. Para o executivo, o evento trouxe uma proposta inovadora e atraente para o púbico, ao proporcionar um conteúdo altamente qualificado, baseado em quatro pilares de conhecimento. “Os especialistas convidados abordaram temas relevantes e atuais para a competitividade nos ambientes de negócios. Todo o conhecimento gerado, certamente, estimulará a adoção de novas tecnologias nas áreas de engenharia, rental, infraestrutura e real estate, resultando nos desenvolvimentos das respectivas cadeias produtivas e maior eficiência, rentabilidade e produtividade para as empresas, além de outros benefícios como a redução de custos e mais ações voltadas à sustentabilidade ambiental”, pontuou.

Já Marco Antônio, gerente do Grupo AIZ comentou que o evento “atingiu o objetivo a que se propôs, com pessoas certas falando para o público adequado”. A qualidade dos conteúdos apresentados e dos profissionais envolvidos também foram pontos positivos da Smart.Con. “Todos tiveram êxito em trazer temas importantes relacionados a novas tecnologias, segurança e novas soluções para os diversos setores ligados ao evento”, conclui.  

Para Toshiro Okada, representante das operações da Komatsu no Brasil, “a agenda do evento foi adequada, com importantes representantes do setor, que trouxeram bons temas que estimularam a inovação aberta da tecnologia dos negócios”, comenta. Além disso, Okada também enalteceu a plataforma do evento, classificando-a como intuitiva e de fácil navegação, contribuindo para a troca de conhecimento de forma interativa. Para a próxima edição ele estima amplitude dos temas tratados.

A Smart.Con contou com a participação do Grupo AIZ como Patrocinador Diamante, Docusign como Patrocinador Prata, e Komatsu e Banco Bari como Patrocinadores Bronze.

Os visitantes que perderam algum conteúdo ou que quiserem rever alguma apresentação terão acesso ao evento até dia 31 de agosto pelo site oficial www.exposmartcon.com.br.