Associação Brasileira de Tecnologia
para Construção e Mineração

BLOG SOBRATEMA

Publicado em 02 de julho de 2019 por Mecânica de Comunicação

Resíduos da construção civil podem gerar lucro para empresas do setor

A indústria nacional da construção civil cresceu durante os últimos anos, motivada por obras do Minha Casa Minha Vida e os empreendimentos de infraestrutura necessários para a realização de eventos recentes, como a Copa do Mundo de 2014 e os Jogos Olímpicos em 2016. Ao mesmo tempo, surgiram iniciativas de crescimento sustentável e a Política Nacional de Resíduos Sólidos, estimulando construtoras a planejar o tratamento e reciclagem do entulho gerado em obras.  

A nova política de resíduos sólidos proíbe o descarte inadequado, assim como procura estimular o aumento da reciclagem e reutilização do material descartado.  Dessa maneira, tornam-se interessantes as estratégias de construtoras ou demolidoras baseadas na reinserção dos resíduos na cadeia produtiva - um exemplo bem conhecido é o aproveitamento de material reciclado como agregado do concreto, miúdo ou graúdo. Segundo especialistas, a utilização de concreto com agregados reciclados é ideal em pavimentos rodoviários, para fins estruturais ou não, e ainda na produção de elementos pré-moldados. Além de beneficiar a sociedade e o meio ambiente, o reaproveitamento de resíduos pode ajudar na solução de problemas característicos de metrópoles, como a escassez de áreas para depósito de entulhos e gastos elevados necessários para a desobstrução de córregos e vias públicas, que podem ser prejudicados pelo acúmulo de lixo.  

Outra medida estratégica no gerenciamento de entulho em obras é baseada na logística reversa de resíduos. Por meio dessa prática, construtoras e demolidoras não apenas separam o material reciclável no canteiro de obras, mas passam a comercializá-lo. Assim, surgem oportunidades de negócios como, por exemplo, a instalação de pequenas usinas de reciclagem dentro do canteiro de obras. Além disso, a logística reversa e outros meios de administração sustentável de resíduos tornam-se fortes ferramentas de marketing em uma sociedade cada vez mais disposta a consumir produtos que não representem ameaças ao meio ambiente. 

Outros detalhes sobre o assunto estão na dissertação de mestrado Logística Reversa na Construção Civil, de autoria de Celso Luchezzi, com orientação de Mauro Cesar Terence e aprovada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. 

}